Coaching para Concursos e OAB

quinta-feira, 10 de novembro de 2016

Técnico administrativo tem a maior demanda no TRE-RJ

O Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro (TRE-RJ), que está com a validade do último concurso vencendo em dezembro, deverá abrir uma nova seleção para a área de apoio, em 2017. Embora ainda não se tenha a confirmação de todos os cargos/especialidades que deverão ser oferecidos, técnico judiciário da área administrativa, que exige apenas o nível médio, sem experiência, certamente será contemplado (cadastre-se gratuitamente e entenda o porquê a seguir). 

Por isso, é importante antecipar a preparação desde já (leia matéria de dicas de estudo e confira o edital do último concurso). Além dessa carreira, analista judiciário é outra que será abrangida também, do 3º grau.

Isso porque, além de ser a função com o maior déficit (informação confirmada por uma fonte ligada ao TRE e também pelo Sindicato dos Servidores das Justiças Federais no Estado do Rio de Janeiro - Sisejufe), o número de convocados para essa função comprova isso. Ao todo, desde que a seleção anterior, de 2012 (para 19 vagas iniciais), foi homologada, o órgão chamou 272 aprovados para tomarem posse. Esse quantitativo inclui 104 analistas judiciários (carreira de nível superior) e 168 técnicos judiciários (sendo 159 somente na área administrativa, o que demonstra a maior carência nessa especialidade, muito em virtude da alta rotatividade de servidores).


A grande necessidade de técnicos judiciários não é recente. No penúltimo concurso, de 2006, o TRE-RJ abriu 435 oportunidades iniciais nas mesmas carreiras, mas chamou 594 concurseiros, sendo 342 técnicos judiciários e 252 analistas judiciários. Além de fazer a contratação de concursados pelo regime estatutário, o que lhes garante a estabilidade no emprego, o tribunal fluminense propicia remunerações bem atraentes.

Desde 1º de novembro, o técnico judiciário recebe, por exemplo, R$7.051,99 mensais, sendo R$2.965,38 de salário base, R$3.202,61 de Gratificação Judiciária (GAJ) e R$884 de auxílio-alimentação. Já o ganho dos analistas judiciários, graduados, passa para R$11.003,92, composto por R$4.865,35 de vencimento-básico, R$5.254,57 de GAJ e o auxílio-alimentação de R$884. Além disso, há outros benefícios oferecidos pelo TRE-RJ, tais como a Gratificação de Atividade de Segurança (GAS) - apenas para os ocupantes de cargos cuja especialidade seja Segurança Judiciária -, auxílio pré-escolar e reembolso com gastos do plano de saúde.

O Cebraspe (antigo Cespe/UnB) foi o organizador do concurso de 2012, que constou de duas etapas: provas objetivas e uma redação. Na primeira avaliação foram cobradas disciplinas como Português, Noções de Legislação, Atualidades, Noções de Arquivologia, de Informática, Raciocínio Lógico, Contabilidade Geral e Governamental, Matemática Financeira, Gestão e Governança de TI, Segurança da Informação, Direito Constitucional, Administrativo, Eleitoral, Civil, Processual Civil, Penal e Processual Penal, entre outras. 


Fonte: Folha Dirigida



 Precisando de ajuda para organizar seus estudos? 
Como o Aprimora Coaching pode te ajudar? 
- Organização; 
- Planejamento; 
- Cumprimento de metas; 
- Fixação de cronograma completo com teoria, revisão, questões; 
- Motivação; 
- Autoconhecimento; 
- Controle da Ansiedade. 

                                                      Informações: contato@aprimoracoaching.com.br




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por comentar!
Ajude seus amigos concurseiros, divulgue o blog. =)

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

AddThis