Coaching para Concursos e OAB

terça-feira, 14 de julho de 2015

Saiu edital para Advogado da AGU: 84 vagas

O edital do concurso para contratação de 84 advogados da Advocacia Geral da União (AGU) foi
divulgado nesta terça-feira, dia 14 - veja no anexo abaixo. A função exige graduação em Direito, registro na Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e prática jurídica de, no mínimo, dois anos. Os vencimentos iniciais da carreira são R$17.330,33. As inscrições serão recebidas a partir das 10h do próximo dia 24, com atendimento aos interessados até 17 de agosto, no site do Cespe/UnB, organizador. A taxa é de R$195, que pode ser paga até o dia 16 de setembro. Inscritos no CadÚnico e membros de família de baixa renda podem solicitar isenção, seguindo as instruções do subitem 7.4.8 do edital.

Conforme a lei, há vagas reservadas a candidatos com deficiência e negros ou pardos. Os candidatos que optarem por concorrer sob a condição de deficiente, deverão encaminhar cópia simples do CPF e do documento de identidade, bem como original ou cópia autenticada em cartório do laudo de médico emitido nos últimos 12 meses. Os documentos deverão ser enviados, via Sedex ou carta registrada, até o dia 17 de agosto, ou entregar, pessoalmente ou por terceiro, das 8h às 19h (exceto sábados, domingos e feriados), na Central de Atendimento do Cespe. Para concorrer às vagas reservadas a negros ou pardos, o candidato deverá, no ato da pré-inscrição, preencher a autodeclaração.


Todos os participantes serão avaliados em um processo dividido por várias etapas. As primeiras consistirão em uma prova objetiva (marcada para a tarde do dia 11 de outubro) e três discursivas (nos dias 9 e 10 de janeiro de 2016), que serão aplicadas em todas as capitais. O primeiro exame será composto por 200 questões objetivas que versarão sobre conteúdos de Direito. Os classificados passarão, então, por uma prova oral realizada em Brasília e, depois, por uma avaliação de títulos e sindicância de vida pregressa.

Segundo a Assessoria de Imprensa da AGU, o órgão possui mais de mil unidades distribuídas por todo o país, e os concursados serão lotados nas unidades onde houver maior necessidade de pessoal. Ainda de acordo com a assessoria, essas localidades serão levantadas no decorrer deste ano e somente após o concurso de remoção dos advogados da União que já pertencem ao quadro de servidores. O concurso terá validade de um ano, prorrogável, uma única vez, por igual período.



Texto base: Folha Dirigida



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por comentar!
Ajude seus amigos concurseiros, divulgue o blog. =)

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

AddThis