Coaching para Concursos e OAB

quarta-feira, 3 de julho de 2013

BACEN: Cespe/UnB é oficializado como organizador

O Banco Central (BC) oficializou nesta quarta, dia 3 de julho, por meio de publicação no Diário Oficial da União, o Cespe/UnB como organizador do concurso que vai preencher 515 vagas nos cargos de técnico (nível médio), analista e procurador (ambos de nível superior). Com isso, cresce ainda mais a expectativa pelo divulgação do edital até o final deste mês. Caso isso se confirme, as provas deverão ser aplicadas em setembro.

Na última sexta-feira, dia 28, a autarquia divulgou o resultado do processo de remoção interna de servidores, que será utilizado na definição da oferta, por região, do concurso. FOLHA DIRIGIDA teve acesso ao resultado do processo de mobilidade interna, que contou com a participação apenas de técnicos e analistas do BC. Ao todo, 153 servidores garantiram a remoção para outra praça do banco após o ingresso dos aprovados no concurso externo. Após a conclusão do processo, Brasília, onde fica a sede do banco, ficou com um saldo de menos 118 servidores (18 técnicos e 100 analistas), o que reforça a possibilidade na capital federal concentrar a maior parte das vagas da seleção.

A outra unidade com saldo desfavorável no processo de remoção foi Belém. A capital paraense perdeu 11 servidores (oito técnico e três analistas) sem ter recebido nenhum e deve ser o destino de parte dos aprovados na seleção que será realizada pelo banco. As outras oito capitais com unidades do banco tiveram o quadro ampliado pelo concurso interno. São Paulo, Rio de Janeiro e Belo Horizonte ficaram com 45 (cinco técnicos e 40 analistas), 30 (9; 21) e 20 (3; 17) servidores a mais, respectivamente. Curitiba, Fortaleza e Recife ficaram com vantagem de mais nove servidores, Porto Alegre de seis e Salvador de um. O presidente do Sindicato Nacional dos Servidores do Banco Central no Rio de Janeiro (Sinal-RJ), Sérgio Belsito, o número de servidores destinados à capital fluminense surpreendeu. Ele ressaltou, no entanto, que apesar disso, a cidade do Rio ainda precisa de mais servidores e o sindicato irá cobrar parte das vagas do concurso para a regional. Segundo o sindicalista, as informações são de que o concurso será de fato regionalizado, ou seja, com os candidatos indicando onde desejam trabalhar, já no ato da inscrição, e com a oferta de vagas por localidade informada no edital.

Oferta – Das 515 vagas do concurso externo, 100 serão para técnico, 400 para analista e 15 para procurador. As remunerações iniciais oferecidas são de R$5.531,23, R$13.968,85 e R$16.092,13, respectivamente, já incluindo o auxílio-alimentação, que é de R$373. Para o cargo de técnico, o requisito básico é o ensino médio completo. No caso de analista, embora as chances sejam em diferentes áreas, a escolaridade necessária deverá ser o ensino superior completo em qualquer área de conhecimento, como ocorreu no concurso de 2009, o último realizado pelo BC. Já para procurador, a exigência será o bacharelado em Direito e pelo menos dois anos de prática forense. A organizadora do concurso será o Cespe/UnB e, para técnico e analista, caso seja mantida a estrutura do concurso anterior, os candidatos terão que passar por provas objetivas, prova discursiva (apenas para analista), avaliação de títulos (dependendo da área de atuação), sindicância de vida pregressa e programa de capacitação. Já está definido que a seleção para procurador será composta por prova objetiva, três provas discursivas, prova oral e avaliação de títulos, sindicância de vida pregressa e curso de formação. As provas para o cargo serão aplicadas ao menos nas dez capitais com unidades do banco. O mesmo ainda não foi confirmado para técnico e analista.

DIRETORIA DE ADMINISTRAÇÃO
DEPARTAMENTO DE GESTÃO DE PESSOAS
EXTRATO DE DISPENSA DE LICITAÇÃO
Pt. 1201564231. Objeto: organização e realização de concursos públicos para os cargos de Analista e de Técnico do quadro de pessoal do Banco Central, em 2013. Empresa a ser Contratada: Fundação Universidade de Brasília, por meio de seu Centro de Seleção e Promoção de Eventos (CESPE). Base Legal: Lei 8.666, de 1993, art. 24, inciso XIII. Justificativa: instituição pública brasileira, sem fins lucrativos, incumbida estatutariamente da realização de pesquisa e ensino. Valor Previsto: R$13.000.000,00. Ratificação: Nilvanete Ferreira da Costa, Chefe do Departamento de Gestão de Pessoas do Banco Central. Data: 2.7.2013.

Fonte: Folha Dirigida

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por comentar!
Ajude seus amigos concurseiros, divulgue o blog. =)

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

AddThis