sexta-feira, 24 de abril de 2015

STF: Judiciário não pode interferir em critérios fixados por banca examinadora de concurso

“Os critérios adotados por banca examinadora de concurso não podem ser revistos pelo Poder Judiciário.” Esta tese de repercussão geral foi fixada pelo Plenário do Supremo Tribunal Federal, em sessão nesta quinta-feira (23), no julgamento do Recurso Extraordinário (RE) 632853. Por maioria de votos, os ministros reafirmaram jurisprudência do Tribunal e assentaram que, apenas em casos de flagrante ilegalidade ou inconstitucionalidade, a Justiça poderá ingressar no mérito administrativo para rever critérios de correção e de avaliação impostos pela banca examinadora. A decisão terá efeito em, pelo menos, 196 processos sobrestados em tribunais de todo o país, que discutem o mesmo tema.

O recurso foi interposto pelo governo cearense contra acórdão proferido pelo Tribunal de Justiça do Ceará (TJ-CE) que confirmou a anulação de 10 questões de concurso público, realizado em 2005, para preenchimento de vagas de enfermeiro no Programa Saúde da Família. Os candidatos alegavam que alguns dos itens impugnados possuíam mais de uma resposta correta e que existiam respostas baseadas em bibliografia que não constava do edital.

sexta-feira, 17 de abril de 2015

Aprenda a controlar a ansiedade

Quase tudo o que se pode dizer a respeito dos concursos públicos tem um único objetivo: o dia da prova. É ali que todo o esforço será coroado – ou não. Uma postura tranquila e inteligente naquelas horas ou uma atitude caótica e desesperada podem definir o resultado de alguns anos de trabalho.

Claro que sempre haverá mais um concurso, e o comportamento durante a prova também pode ser amadurecido. E quem ainda não estiver pronto nesse dia não deve entrar em desespero. Vale fazer o melhor possível e aproveitar a experiência para dar sequência aos estudos.

Vamos agora aos cuidados que devem ser adotados, cronologicamente, para diminuir a tensão.

SEMANA DA PROVA

terça-feira, 14 de abril de 2015

PL 4330/04 passa a abranger apenas a iniciativa privada.

O Plenário da Câmara dos Deputados retirou as empresas públicas, as sociedades de economia mista e suas subsidiárias da proposta que amplia a terceirização para todas as áreas das empresas (PL 4330/04). O projeto valerá apenas para a iniciativa privada.

Assim, no caso das empresas públicas e sociedades de economia mista, como Caixa Econômica Federal, Banco do Brasil e Petrobras, valerá o concurso público para as carreiras de atividade-fim e fica autorizada a terceirização para serviços especializados e atividades de segurança, limpeza e manutenção. Esse é o entendimento atual da Justiça do Trabalho.

A retirada das empresas públicas e sociedades de economia mista foi aprovada por 360 votos a 47, a pedido do PSDB, mas com apoio da base governista. O deputado Domingos Sávio (PSDB-MG) explicou que o partido apresentou o destaque para manter o concurso público como principal forma de ingresso na carreira das empresas públicas e sociedades de economia mista, sem permitir a terceirização de todas as áreas dessas empresas. "Temos de manter o concurso para as carreiras, para não dar espaço para apadrinhamento", disse.

PFN: definida banca para Procurador.

A Procuradoria da Fazenda Nacional (PFN) já definiu a organizadora para seu novo concurso público para o cargo de procurador da união. A escolhida é a Esaf, segundo a assessoria de imprensa do órgão. Embora o ministro Luís Inácio Adams tenha encaminhado, para o Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG), um pedido para autorização de concurso para 250 vagas em 2015, mesmo antes do parecer por parte do ministério, o órgão já instituiu a comissão para um novo certame, que contará com oferta de 16 vagas, para suprir necessidades mais prementes, enquanto aguarda um parecer do MPOG. A publicação do edital está prevista para ocorrer até junho.

Para concorrer ao cargo é necessário possuir nível superior em direito, registro na Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e pelo menos dois anos de prática forense. A remuneração inicial da categoria, atualmente, é de R$ 17.330,33. Posteriormente, na primeira categoria, o valor passa a R$ 19.913,33 e, finalmente, na classe especial, R$ 22.516,94.

segunda-feira, 13 de abril de 2015

DPU: Saiu o edital!

Foi divulgado nesta segunda, dia 13, o edital de abertura do concurso para a área de apoio da Defensoria Pública da União (DPU) - veja no anexo abaixo. A demora na liberação do documento resultou ao menos em uma boa novidade: da oferta inicialmente prevista, de 60 oportunidades, estão sendo abertas 143 vagas, mais cadastro de reserva, em cargos dos níveis médio e superior.

As inscrições terão início às 10h do dia 22 de abril, com atendimento aos candidatos via internet até 11 de maio. Haverá também postos presenciais de inscrição. As taxas são de R$70 (nível médio) e R$100 (funções de grau superior). As provas objetivas estão marcadas para 21 de junho, e serão aplicadas em todas as 26 capitais de estado, além do Distrito Federal.

O cargo de agente administrativo, com oferta de 105 vagas iniciais, é o maior destaque da seleção, pois exige nível médio completo e paga a remuneração inicial de R$3.817,98. Já para os cargos de nível superior, os rendimentos variam de R$5.266,18 a R$6.348,27. Para anailsta técnico administrativo, poderão concorrer graduados em qualquer curso.

quinta-feira, 9 de abril de 2015

Esclarecimentos sobre a PL 4330/04 - Terceirização - Prof. Rodrigo Menezes.

O Prof. Rodrigo Menezes traz todas as informações para que você entenda um pouco mais sobre este tema polêmico.

video

Confira os cursos do Concurso Virtual e inicie sua preparação.
http://goo.gl/l9sMNQ

terça-feira, 7 de abril de 2015

Câmara dos Deputados analisa concurso nesta quarta, dia 8

Aumenta a pressão pela realização do concurso para o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS): às 10h desta quarta-feira, dia 8, o Plenário da Câmara dos Deputados promoverá reunião da comissão geral para debater a Previdência Social, tendo entre os temas a necessidade de concurso para a autarquia.

Quem sugeriu a comissão foi o deputado federal Cleber Verde (PRB-MA), que confirmou a cobrança do concurso. De acordo com o parlamentar, o ministro da Previdência Social, Carlos Eduardo Gabas, estará presente. Além dele, foram convidados os ministros do Planejamento, Nelson Barbosa, e da Fazenda, Joaquim Levy.

"Todos os temas em relação à Previdência Social que o governo tem deixado de lado serão debatidos. Essa abordagem de realização do concurso, portanto, também se faz necessária, tendo em vista que a autarquia precisa de novos servidores para realizar bons atendimentos. A aprovação das medidas provisórias nº 664 e nº 665, inclusive, aumentou a demanda do INSS, que precisa de novos servidores para cumpri-la", salientou.

quinta-feira, 2 de abril de 2015

TSE: avança projeto que cria 673 vagas para os TREs

A Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público da Câmara dos Deputados aprovou, no último dia 25 de março, o projeto de lei 7990/2014, que visa criar nada menos do que 673 vagas para preenchimento por meio de concursos públicos nos diversos Tribunais Regionais Eleitorais (TREs) do país, para a área de tecnologia da informação.

Do total de oportunidades, 255 são para técnicos, com exigência de ensino médio, e 418 para analistas, para quem possui curso de nível superior. As remunerações iniciais são de R$ 5.365,92 para os técnicos e R$ 8.803,97 para analistas.
Prepare-se para o concurso do TSE
 
De acordo com o parecer do relator, o deputado Paulo Pereira da Silva (SD/SP), a área de tecnologia da informação dos tribunais tem apresentado uma grande carência de servidores, devido às novas atividades, surgidas em 2005 e que ainda estão em andamento, tais como o processo judicial eletrônico, a implementação da identificação biométrica do eleitor, sistemas para garantir o voto em trânsito, acessibilidade a portadores de necessidades especiais, plebiscito e consultas populares simultâneos às eleições e alterações no banco de dados e nos sistemas para possibilitar o cadastramento biométrico.

quarta-feira, 1 de abril de 2015

Como manter-se focado e motivado enquanto o edital não é publicado


Tendo em vista o atraso para aprovação do Orçamento de 2015 a publicação de alguns editais prometidos para o início do 1º semestre de 2015 acabaram atrasando. Com isso, manter-se motivado para prosseguir os estudos é o grande desafio de muitos candidatos. O momento é de grande ansiedade!

O indicado é que os concurseiros aproveitem o período para se dedicarem ainda mais. Com a demora para a publicação dos editais muitos acabam efetivamente desistindo ou diminuindo o rítmo de estudos, o que privilegia aqueles que se mantêm otimistas e estudando.

O importante neste momento é não perder o foco. O processo de aprendizagem é demorado, o candidato deve aproveitar o tempo para solidificar os conhecimentos. O pensamento deve ser sempre: quanto mais tempo demorar o edital, mais tempo tenho para me preparar.

Seguem 5 dicas para não perder o foco enquanto seu edital não é publicado.

segunda-feira, 30 de março de 2015

MP/SP: Saiu edital para Analista de Promotoria - 107 vagas

O Ministério Público de São Paulo publicou no Diário Oficial deste sábado, dia 28, o edital de abertura de seu concurso público para o cargo de analista de promotoria I (assistente jurídico). A oferta inicial é de 107 vagas, destinadas as regionais da capital (63 vagas), Santos (3) e de diversas cidades do interior (41).

O cargo conta com uma remuneração inicial de R$5.219,27, já inclusa a gratificação de promotoria no valor de R$2.914,59. Os servidores ainda contam com auxílio alimentação de R$29 por dia e auxílio transporte. Para concorrer é necessário ser bacharel em Direito. As inscrições começam na próxima terça-feira, dia 31 e vão até 30 de abril no site da Fundação Vunesp, organizadora do concurso. A taxa é de R$120 e deve ser paga por meio de boleto bancário, gerado no ato da inscrição.

O número de vagas do concurso é superior as 99 autorizadas em fevereiro pelo procurador-geral Márcio Elias Rosa. Entre as regionais do concurso somente Campinas, São José do Rio Preto e Ribeirão Preto não contam com vagas iniciais. Nestes casos os aprovados serão convocados somente após o fim da lista de remanescentes classificados no último concurso público, realizado em 2013.

sexta-feira, 27 de março de 2015

AGU forma comissão para abrir dois novos concursos públicos ainda este ano

A Advocacia-Geral da União (AGU) publicou no Diário Oficial desta quinta-feira, dia 26, duas portarias com a composição de comissões que irão elaborar os concursos de advogado da União e procurador da Fazenda Nacional, cujos rendimentos para ambos os cargos são de R$17.330,33 mensais.

Segundo a AGU, haverá 22 vagas para advogado, destinado a quem tem curso superior em Direito e registro na Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), e 16 para procurador, cuja exigência é graduação em Direito, com prática jurídica de no mínimo dois anos.

O órgão informou ainda que publicará os editais neste semestre, ou seja, até junho. Antes disso, porém, a AGU precisa definir a organizadora do concurso, o que deverá ocorrer em breve. Ainda de acordo com a AGU, a lotação dos aprovados ocorrerá após a realização da seleção, por meio de estudos e tratativas com os órgãos de direção superior. O órgão, no entanto, costuma realizar as provas nas capitais dos 26 estados e no Distrito Federal.

quarta-feira, 25 de março de 2015

TRF1: Saiu concurso para 228 vagas de juiz

O Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF 1) abriu concurso para provimento de 228 vagas, além de cadastro de reserva, para o cargo de juiz federal substituto. O edital de abertura pode ser conferido em anexo abaixo. Para o cargo é necessário ter bacharelado em Direito, com no minímo três anos de atividade jurídica exercida após a obtenção do título. Um dos grandes atrativos para o cargo é o vencimento no valor de R$23.997,19. 

Há reserva de 5% das vagas para deficientes. Os novos juízes poderão ser lotados em uma das localidades que abrangem a 1ª Região, no Sudeste, Centro-Oeste, Norte e Nordeste: Acre, Amapá, Amazonas, Bahia, Distrito Federal, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Minas Gerais, Pará, Piauí, Rondônia, Roraima e Tocantins.

As inscrições preliminares poderão ser realizadas no site do Centro de Seleção e de Promoção de Eventos (Cespe/UnB), organizador, no período de 30 de março a 28 de abril, mediante pagamento de taxa até o dia 29 de abril, no valor de R$239. O candidato deverá ainda comparecer de 30 de março a 30 de abril nos locais a serem divulgados no site do organizador, para apresentar a documentação necessária para a confirmaçao da inscrição. Poderão solicitar isenção de taxa apenas os inscritos no CadÚnico e membros de família de baixa renda. Os pedidos devem ser realizados de 30 de março a 13 de abril, no site do Cespe.

terça-feira, 24 de março de 2015

Dia de festa!

♪♬Hoje é o dia da Alegria!!!♪♬

Hoje o Blog comemora 2 anos!! Quanta felicidade!!
São 2 anos de existência e mais de 2 milhões e 130 mil acessos.

Quando decidi criar o Blog lá em 2013 não tinha a menor noção da proporção que ele tomaria. Minha única intenção era poder alcançar mais concurseiros e ajudar mais pessoas.

Atualmente são mais de 5 mil acessos diários, muitas pessoas sendo beneficiadas com as dicas e os sorteios.

Acho engraçado quando encontro pessoas que me perguntam: Vc é a Concurseira Dedicada??? Nossa, adoro seu Blog!
Fico imensamente feliz, mas confesso que também fico tímida. rs Ainda não me acostumei com o fato de ser "famosa" (com muiiiitassss aspas!!! rsrs). Até pq não me sinto assim, me sinto como vocês, apenas mais uma na multidão.

Só tenho a agradecer a vocês, leitores, pois sem vcs nada disso teria sentido. É graças a vocês que consigo parcerias com cursos e editoras para descontos e sorteios. É por vocês que passo dias fazendo pesquisas e procurando matérias e notícias interessantes para postar.

Por isso, vamos comemorar! E para comemorar nada melhor que sorteios né?! Durante o dia postarei alguns! ;)


segunda-feira, 23 de março de 2015

Você sabe quando começar a revisar o conteúdo estudado para concurso?

Todo candidato sabe que é importante fazer revisões periódicas, mas há muita dúvida com relação ao momento em que isso deve acontecer. Até porque, com o passar do tempo, a quantidade de informações em cada matéria só cresce e fica cada vez mais difícil de ser administrada. Na mesma proporção, vai aumentando o risco de muita coisa cair no esquecimento.

No início do estudo todo mundo tem a sensação de que estuda e não aprende. Não é apenas impressão, mas realidade, porque é o primeiro contato do cérebro com aquele conteúdo, principalmente se for uma disciplina nunca vista na vida. Há um fato importante a ser considerado nesse contexto: a memorização acontece de forma gradual e exige sucessivas repetições. Mas ela só será efetiva se você compreender realmente o que está estudando. Então, o processo começa com o entendimento dos conteúdos, para depois se iniciar a fixação dos mesmos.

Vale ressaltar que estamos falando de revisões. Isso implica duas coisas. Em primeiro lugar, é preciso construir um bom material para isso, e, em segundo, na hora de revisar use somente o material que preparou (caso contrário, levará um tempo enorme). O material original só deverá ser consultado quando você perceber que suas anotações não estão sendo suficientes e precisam de mais esclarecimentos.

quarta-feira, 18 de março de 2015

DPU: edital do concurso deve sair até dia 27

A publicação do edital do aguardado concurso público da Defensoria Pública da União (DPU) para os cargos da área administrativa está prevista para ocorrer até o próximo dia 27, sexta-feira, de acordo com a assessoria de imprensa do órgão. 
 
A seleção será para preenchimento imediato de vagas e formação de cadastro reserva de pessoal em diversos cargos, com opções para quem possui ensino médio e nível superior. As remunerações iniciais serão de R$ 3.191,02 para cargos de ensino médio e R$ 4.620,82 para nível superior, todos com jornada de trabalho de 40 horas semanais.

A liberação do documento depende apenas dos últimos ajustes no cronograma do concurso, que estão sendo feitos com a organizadora, o Cespe/UnB.

Prepare-se para o concurso da DPU
 

terça-feira, 17 de março de 2015

Novo CPC é sancionado

Em cerimônia no Palácio do Planalto na tarde desta segunda-feira (16/3), a presidente da República Dilma Rousseff sancionou, com vetos, o texto do novo Código de Processo Civil. Apesar de não haver confirmação oficial, segundo informações divulgadas durante a tarde por Bruno Dantas, ministro do Tribunal de Contas da União, dois trechos, os artigos 333 e o inciso VII do artigo 937, foram vetados.

Por volta das 21h, Ronaldo Cramer, vice-presidente da Ordem dos Advogados no Rio de Janeiro, informou outros cinco vetos feitos por Dilma ao texto original: foram suprimidos o artigo 35; o inciso XII do artigo 1.015; o inciso X do artigo 515; o parágrafo 3º do artigo 895; e o artigo 1.055.

No texto original, o artigo 333 permitia que o juiz transformasse uma ação individual em ação coletiva, presentes os “pressupostos de relevância social e da dificuldade de formação do litisconsórcio”. O problema apontado por especialistas era a possibilidade de tirar do jurisdicionado o direito de acesso à Justiça em nome da administração da Justiça. O XII do artigo 1.015 versava sobre o mesmo tema, e afirmava caber agravo de instrumento contra as decisões interlocutórias que versassem sobre a conversão da ação individual em ação coletiva;

domingo, 15 de março de 2015

Impeachment - Prof. Rodrigo Menezes

O Prof. Rodrigo Menezes traz todas as informações para que você entenda um pouco mais sobre este tema que com certeza será muito cobrado nas próximas provas.

video


Aproveite a Promoção do Concurso Virtual para a semana do Consumidor.
Confira:


quinta-feira, 12 de março de 2015

STF: Plenário aprova quatro novas súmulas vinculantes

O Plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) aprovou, nesta quarta-feira (11), quatro Propostas de Súmula Vinculante (PSV). Em todos os casos, verbetes de súmulas do STF foram convertidos em súmulas vinculantes com o objetivo de conferir agilidade processual e evitar o acúmulo de processos sobre questões idênticas e já pacificadas no Tribunal. As propostas foram formuladas pelo ministro Gilmar Mendes, presidente da Comissão de Jurisprudência do STF.

As propostas aprovadas tratam de competência municipal para fixar horário de estabelecimento comercial (PSV 89); competência privativa da União para legislar sobre vencimentos das polícias civil e militar e corpo de bombeiros do Distrito Federal (PSV 91); vedação à cobrança de taxa de iluminação pública (PSV 95) e contribuição sindical destinada às confederações (PSV 98).

As súmulas vinculantes têm força normativa e devem ser aplicadas pelos demais órgãos do Poder Judiciário e pela administração pública direta e indireta, nas esferas federal, estadual e municipal. Todas as propostas aprovadas tiveram parecer favorável da Procuradoria Geral da República.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

AddThis